AAP alvo do Inimigo Público

Depois das denúncias da AAP – Associação Ateísta Portuguesa aquando da visita do papa Francisco, o suplemento satírico do jornal Público atacou directamente a associação, pondo em causa as nossas declarações. A Direcção da AAP tem a declarar que não acredita na existência de pessoas na redacção do Inimigo Público e que, através da análise racional de todas as informações de que dispõe, suspeita que o IP tem vindo a ser escrito por bots pelo menos desde Fevereiro de 2013, alguns meses depois de todos os humoristas portugueses terem deixado de ser vacinados. A pista principal foi-nos cedida por Donald Trump, numa mensagem privada via Twitter para a conta da @aateista.

Inimigo PúblicoAssociação Ateísta Portuguesa também não acredita nas vitórias do Benfica e do Salvador Sobral